Comprovado: Bom Humor e Otimismo Melhoram Sua Saúde

Está comprovado cientificamente: otimismo, bom humor e gratidão estão relacionados à melhor saúde, felicidade e bem estar. Pessoas otimistas são menos suscetíveis à doenças cardíacas e câncer. Além disso, pegam gripe com menos frequência do que pessoas pessimistas. Pessoas positivas são mais prósperas e têm relacionamentos mais felizes com seus parceiros e sabem qual o propósito da vida.

No livro Learned Optimism: How to Change Your Mind and Your Life (Tradução Literal: Otimismo Aprendido: Como Mudar sua Mente e Sua Vida), Martin Seligman explica como pessoas otimistas e pessimistas enxergam situações de maneiras diferentes.

Problemas

Otimistas enxergam problemas como situações geradas por algum motivo específico. Vêem como algo temporário e superável. Pessimistas vêem problemas como algo generalizado, permanente, insuperável, realmente personificando em si mesmo.

Otimismo faz bem à saúde!


Por exemplo: suponha que duas pessoas foram reprovadas em um teste importante. A otimista verá isso como algo temporário, causado provavelmente por uma má preparação ou falta de estudo, e sabe que se dedicando mais, terá mais sucesso da próxima vez. O pessimista pensa: “Eu nunca vou conseguir, isso é muito difícil de entender, nunca vou aprender”!

Vitórias

Otimistas enxergam as vitórias como o resultado de sua capacidade e dedicação, e que novas vitórias virão consequentemente, conforme mais se esforçarem e trabalharem nesse foco. Pessimistas, além de não reconhecerem seu valor, acreditam que a vitória foi obra do acaso ou sorte.

Num aumento de salário, por exemplo, otimistas vêem isso como um dos passos na jornada em direção ao sucesso, que irá acontecer invariavelmente. Pessimistas, enxergam como um acontecimento isolado, e provavelmente mal visualizam uma nova situação parecida num futuro próximo.

OTIMISMO FAZ BEM À SAÚDE!Algumas pessoas parecem ter nascido com o otimismo na veia. Elas sempre parecem ter alguma mensagem de otimismo na ponta da língua. Mas pessimistas também podem aprender a serem otimistas.

Criar o hábito de cultivar pensamentos positivos melhora não só sua aparência física, assim como sua saúde.

Criar atitudes positivas não significa ficar repetindo mecanicamente frases de efeito, mas sim aprender a enxergar as situações do modo mais imparcial possível, e entender que a vida ou as pessoas não estão contra você! Tudo depende da maneira como você escolhe olhar.

Parece um pouco duro falar dessa maneira, mas hoje você está onde se colocou, através de suas atitudes e pensamentos. As pessoas e situações com as quais você lida hoje são semelhantes à forma como você pensa e trata seus  próprios “problemas”.

  • Temos nossos valores, ou seja, formas de enxergarmos uma situação que orientam nosso julgamento do que é certo e errado para cada um de nós.
  • A partir dos valores, portanto, criamos uma visão da situações à nossa volta.
  • A maneira como enxergamos as coisas influenciam como nos sentimos em relação à elas.
  • Nossos sentimentos, por sua vez, guiarão nosso comportamento. 
  • Isso se transforma em um ciclo vicioso, a partir do momento que nossos comportamentos reforçam nosso julgamento do que é certo e errado, ou seja, nossos valores, e esse ciclo não será quebrado, enquanto não percebermos que nós mesmos podemos enxergar as pessoas e situações por outros ângulos – um pouco clichê, mas é a velha história do copo meio cheio/meio vazio. Tudo depende de como você vê!

Pensamentos Geram Atitudes - Otimismo

E como mudar seu foco para uma atitude positiva e de otimismo?

Siga as dicas abaixo e comece a mudar sua forma de ver o mundo!

  • Encontre o Equilíbrio
    Os pessimistas tendem a reagir de forma exagerada à situações ruins, olhando para elas como “Eu sou azarado” ou “coisas ruins sempre acontecem comigo.” Muitas situações são uma combinação de circunstâncias que você pode controlar. Portanto, olhe para a situação de uma forma mais equilibrada ao aceitar sua responsabilidade, mas também aceitar que algumas coisas estão fora de seu controle.
  • Não seja catastrófico!Otimismo faz bem à saúde!
    Tenha cuidado como que diz. Palavras têm força! Afaste-se de palavras e expressões que implicam que as coisas NUNCA vão mudar, como “eu nunca vou conseguir um emprego melhor” ou “eu nunca vou aprender”. Reformule o seu pensamento, dizendo: “eu vou continuar tentando até conseguir porque eu sou capaz!”.  Faça um diário de seus pensamentos negativos e anote uma forma mais positiva de olhar para cada situação. Com o tempo, você acabará se habituando a fazer isso, e se tornará natural.
  • Tenha pessoas positivas à sua volta
    É natural que você acabe cultivando o mesmo comportamento das pessoas com quem convive, então por que gastar o seu tempo com pessoas pessimistas?  As chances de você ficar igual à elas é muito grande! Da mesma forma, preencha seu dia à dia com experiências positivas. Não leia livros ou assista à filmes que te deixem mal, triste ou com medo. Nosso subconsciente registra isso, e acaba imprimindo em nosso comportamento como algo natural, então, cuidado! Passe tempo com quem você ama e faça atividades que te tragam prazer, o máximo que puder!
  • Controlando Resultados:
    Nem sempre podemos controlar o resultado das coisas, mas podemos controlar nossas escolhas, comportamento e pensamentos através do livre-arbítrio. Ao invés de se punir quando algo não dá certo, invista em descobrir imparcialmente o porquê de não ter dado certo, e como fazer para melhorar. E quando der certo, recompense-se! Você merece!
  • Mantenha um “Diário de Gratidão”
    OtimismoOtimismo faz bem à saúde! e gratidão andam de mãos dadas. Ao final de cada dia, antes de dormir, anote três coisas pelas quais que você é grato em sua vida, e sempre que tiver um tempinho, releia o que já escreveu. É comprovado cientificamente que repetir frases de otimismo e gratidão diariamente têm o poder de melhorar nossa saúde e comportamento, e existem algumas religiões inclusive, que proferem o “muito obrigada” em suas orações repetidamente, que é o caso da Seicho-no-ie.

  • Fique no “Agora”
    Foque no momento presente. Lembre-se sempre que acontecimentos passados não podem ser mudados, e os futuros ainda não aconteceram, então não se preocupe com nenhum deles! Nesse exato momento, tudo é bom – o que você ganha pensando o contrário?!

  • Contrarie seus Pensamentos Negativos
    Para cada pensamento negativo que tiver, tente pensar em três positivos. Ao fazer isso, você se habitua a ter mais pensamentos bons do que ruins, e isso com o tempo naturalmente irá se traduzir em seu comportamento.

    Faça um teste: quando chegar em casa, coloque sua música favorita, brinque com seu cachorro e vai dar um abraço do seu marido, esposa ou filho. De repente, aquele problema do trabalho já nem é mais tão importante.

  •  Alimente-se bem!O Dr. Marcial Gervásio fez um post bem interessante relacionando a alimentação ao bem estar:

    ALIMENTAÇÃO E BEM ESTAR

    A serotonina é um neurotransmissor que atua no cérebro, e tem, entre outras funções, a regulação do humor, apetite, sono e sensibilidade à dor.

    Acredite – cerca de 90% da serotonina corporal é sintetizada no intestino.

    Uma das formas de aumentar a concentração de serotonina no sangue é consumir alimentos ricos no aminoácido triptofano (precursor da serotonina). Outra forma é praticando exercícios físicos com regularidade.

    Alimentos que podem ser benéficos, elevando a serotonina, incluem:

  • Brócolis

  • Banana

  • Abacaxi

  • Carnes Magras

  • Tomate

  • Castanha do Pará

  • Chocolate amargo (fuja do açúcar, lactose e glúten)

  • Vinho tinto (aprecie com moderação)

    Evite ainda, o consumo de bebidas cafeinadas, pois elas podem reduzir os níveis de serotonina.

    Já para os pacientes com transtorno bipolar, esses pacientes podem ter benefícios com alimentos ricos em lítio (elemento químico que existe naturalmente no solo e rochas):

  • Ovos

  • Tomate

  • Cogumelos

  • Pepino

  • Chá Verde

  • Repolho Roxo

  • Couve-Flor

    Um cuidado importante que deve-se ter é a busca de alimentos de boa procedência, orgânicos, pois o pepino por exemplo, é o campeão em uso de agrotóxicos!

    E aí? Você continua achando que o que você come não tem muita importância?

    Mudar seus padrões de pensamento (e de alimentação) é algo que leva tempo! Você praticou muito para ter os pensamentos e comportamentos que tem hoje, então acha que de uma hora pra outra vai mudar? Então tenha paciência consigo mesmo, e mantenha-se firme no foco do, que logo logo você verá uma grande mudança em sua vida.

 texto por @yaraignacio

Comprovado: Bom Humor e Otimismo Melhoram Sua Saúde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *